Skip to content

Pesquisa revela: elas querem mais

novembro 3, 2011

Uma pesquisa encomendada pela revista “VIP” sobre o que agrada as mulheres na cama revelou que a exigência feminina realmente é grande no que diz respeito ao que é considerado sexo satisfatório. Foram consultadas cerca de 1 193 mulheres de todo o Brasil entre 18 e 35 anos pela internet. Os resultados das pesquisas são, para alguns homens, inusitados, mas com certeza animadores.

 

Elas querem mais!

O estudo revelou que 69% das mulheres gostariam de fazer mais sexo. A maioria delas (34%) faz sexo duas ou três vezes semanais. Para 33% delas, são necessários dois ou três encontros para rolar a primeira vez e 5% disseram que só transariam com um homem depois do casamento. Além do mais, parece que esse negócio de mulher não liberar o sexo anal não é tão verdadeiro assim. A verdade, segundo a pesquisa, é que 65% das mulheres que responderam ao estudo já fizeram sexo anal. E mais: 1/3 das que não fizeram está com vontade. Os números revelam que 57% delas gostaram e repetiram a experiência, enquanto 13% gostaram, mas não fizeram de novo. As mulheres que não apreciaram a experiência somaram 30%. Além disso, mulher na cama não é bonequinha de porcelana, que corre o risco de quebrar no primeiro toque. Sendo assim, 88% da amostra da pesquisa afirmaram gostar que o parceiro use algum tipo de força na hora do sexo. Sobre o tamanho do pênis, as opiniões ficaram divididas: 49% acham que o tamanho faz diferença. E para quem acha que não existe a possibilidade de elas sentirem tesão, atração ou até mesmo amor por outro homem, é melhor rever suas ideias: 54% delas revelaram já ter traído o parceiro.

Quer levar uma mulher para a cama logo no primeiro encontro?

Bem, isso não é impossível. A pesquisa da revista “VIP” relacionou alguns itens que elas consideram ser muito importantes para isso:

1º. Você mostrar o quanto ela é importante para você
2º. Ter um bom papo
3º. Se mostrar cheio de desejo
4º. Criar uma situação especial, como um jantar
5º. Falar coisas sensuais em seu ouvido

Se quiser seguir a dica, 35% das mulheres disseram que a posição preferida delas na hora do sexo é ficar de quatro, mas a porcentagem é a mesma para quem considera que ficar por cima seja a melhor posição para elas terem orgasmos. Além do mais, preliminares são essenciais.

Delícia de Pintado Assado

outubro 13, 2011

(12 porções)

 Ingredientes

– 1 pintado de 4 kg

– 3 dentes de alho espremidos

– Suco de 2 limões

– ½ colher (chá) de pimenta-do-reino

– Sal a gosto

Recheio

– 2 colheres (sopa) de azeite

– ¼ de xícara (chá) de cebolinha verde picada

– ¼ de xícara (chá) de salsinha picada

– ¼ de xícara (chá) de coentro picado

– 1 cebola grande picada

– 1/3 de xícara (chá) de azeitona picada

– 2 ovos cozidos picados

– 1 pimentão vermelho picado

– 2 colheres (sopa) de manteiga

– 2 xícaras (chá) de farinha de mandioca

– Rodelas de pão amanhecido

– Sal e pimenta-do-reino a gosto

Preparo

Escame bem o peixe, retire as vísceras e lave bem. Tempere com o alho, o suco de limão, sal e pimenta-do-reino. Deixe descansar na geladeira por 1 hora.

Prepare o recheio, refogando todos os temperos e adicione o restante dos ingredientes. Quando já estiver refogado, recheie o peixe e coloque-o sobre as rodelas de pão.

Leve ao forno preaquecido (200ºC), coberto com papel-alumínio, por 90 minutos.Retire o papel-alumínio, deixe dourar o peixe e sirva.

 

Dicas

Sirva com salada de tomates e molho tártaro.

Tempo de preparo: 3 horas

Homens que lavam louça têm melhor vida sexual

outubro 13, 2011

Não é apenas dos homens que cozinham que elas gostam, mas também daqueles que lavam a louça. Um recente estudo da Universidade de Riverside, na Califórnia, aponta que os homens que partilham as tarefas domésticas com as mulheres melhoram a harmonia no casal e têm uma vida sexual mais satisfatória.

Um dos autores do estudo, Scott Coltrane, disse que os homens que executam tarefas domésticas fazem as mulheres mais felizes. “As mulheres tendem a sentir mais atração sexual e afeição pelos maridos se eles compartilham as tarefas domésticas”, disse Joshua Coleman, psicólogo  do CCF. “A partilha de tarefas domésticas está associada a um nível mais elevado de satisfação conjugal e sexual”, explicou.

O estudo concluiu que “quando os homens fazem mais tarefas domésticas, a percepção das mulheres sobre a igualdade e satisfação com o relacionamento aumentam. É, meus amigos. Não basta apenas cozinhar, o negócio é lavar pratos!

Mulher processa marido por falta de sexo

outubro 13, 2011

Esposa alega “grave angústia mental” pela falta de relações sexuais e levou queixa para a Corte de Dubai. Ela pede US$ 12 milhões ao marido como recompensa ao transtorno.

Um homem dos Emirados Árabes Unidos foi acionado por sua mulher na Justiça. O motivo do processo: ele teria falhado em satisfazê-la sexualmente, tendo causado grave angústia mental. O valor da indenização: US$ 12 milhões

A mulher afirma que o marido não dormiu com ela nos primeiros quatro meses do casamento, ocorrido em 2008. Posteriormente, ela descobriu que o cônjuge sofria de disfunção erétil. Em registros do tribunal de Dubai, a mulher reclama que suas necessidades essenciais não foram atendidas.  “Considerando os valores conservadores árabes, e a situação da mulher na sociedade como esta, eu permaneci em silêncio e tentei me adaptar, rezando a Deus para que as coisas melhorassem”, diz.

A lei islâmica obriga os casais tentarem ter filhos. Se alguma das partes vier a negar a tentativa, a outra terá assegurada o direito ao divórcio. No entanto, a lei não é valida para relações que não tenham a gravidez como objetivo. A Corte de Dubai está avaliando a denúncia. O marido, por enquanto, recolheu todas as jóias da esposa em represália ao processo.

Sexo oral: engulo ou cuspo?

outubro 7, 2011

Toda mulher sabe que os homens são fã de sexo oral, mas para fazer com que a sua boca seja o lugar preferido dele, nós conversamos com alguns rapazes para saber o que eles mais gostam na hora H. Antes de qualquer coisa é preciso que haja diálogo entre o casal. Por isso, o ideal é deixar os pudores embaixo da cama e não ter medo de conversar com o parceiro para expor suas preferências sexuais. Afinal é importante que ambos saibam até onde vai o limite do outro.

Apesar das opiniões serem unânimes entre eles, nós sabemos que existem diversas maneiras de tocar a mesma música e, por isso, vamos te dar algumas dicas de como estourar ou não os tímpanos do amado.

Para quem ainda tem dúvida, a parte mais sensível do pênis é a glande, conhecida popularmente como cabeça e, é ali, que começa toda a diversão. Lembre-se que não existe fórmula certa para o prazer e, enquanto uns podem chegar ao orgasmo tendo somente a parte de cima estimulada, outros necessitarão de um toque mais firme. No entanto, é preciso ser cautelosa. Segundo *Roberto, “sexo oralé muito bom, acho fundamental e não conheço homem que não goste. Mas, tem que ser delicado durante o ato. Nosso brinquedo não é de borracha!”, brinca.

Para quem namora e tem intimidade com o parceiro é mais fácil conversar ou até mesmo se posicionar sobre o assunto. Mas, e se for a primeira vez, como eu devo agir? Se você começou um relacionamento agora e fica na dúvida se deve engolir ou cuspir o gozo, *Fernando dá uma dica preciosa: “eu não acho ruim que elas cuspam, só que é importante ter tato nessas situações, algumas mulheres parecem estar fazendo o último sacrifício e saem correndo pra se limpar, o que é constrangedor”, explica. Então meninas, segredo é não fazer nada forçado ou só para agradar eles, pois eles percebem isso na nossa cara.

Agora, se você está curiosa para saber a preferência deles, a informação seguinte não surpreende ninguém. Todos eles preferem ver você engolindo o gozo. Segundo eles, “visualmente e sensorialmente é a melhor coisa que tem”, descreve *Fernando.

* (todos os nomes usados na matéria são fictícios)

Por Paula Perdiz (Terra)

Sexo nas estrelas

outubro 7, 2011

Não é só à mesa que o astronauta se dá mal. Também na cama, esses pobres colonizadores sofrem os seus bocados. É isso o que confirmou um grupo de cientistas americanos, que estuda a possibilidade de haver sexo no espaço.

É justamente a necessidade de haver relações sexuais no espaço sideral que intriga um grupo de pesquisadores da Universidade de Medicina de Massachusetts. Para eles a prática sexual é praticamente impossível em ambientes com pouca gravidade, segundo o site Dvice

A bióloga Athena Andreadis, membro do grupo de pesquisa, diz: “Sexo é muito difícil em gravidade zero, aparentemente, porque você não tem tração. Pense nisso: você não tem atrito, você não tem nenhuma resistência”.

A microgravidade pode ter efeitos negativos sobre o corpo humano ao longo do tempo: o enfraquecimento da visão, do tecido muscular, além da diminuição da estrutura óssea e do volume de sangue.

Um segundo problema ainda envolve a procriação espacial. Caso uma mulher engravide durante esta hipotética viagem espacial, o parto seria extremamente doloroso. A gravidade e o peso do bebê ajudam o processo. Em ambientes sem gravidade defeitos congênitos poderiam surgir.

Segundo o site Blastr, a saída encontrada e recomendada pelo grupo de cientistas americanos é criar ambientes que simulem a gravidade da Terra. Para eles essa seria a única forma de sobrevivermos no espaço.

E ai, quem quer ir para o espaço, agora?

Sopa tailandesa – receita afrodisíaca

outubro 3, 2011

Um jantar sexy é uma boa forma de anteceder o ato sexual, como uma espécie de preliminar. Por não ser tão pesada, esquentar o sangue e deixar os hormônios à flor da pele, a sopa tailandesa é uma ótima receita para momentos íntimos. Experimente essa sopa e deixe-se levar por esse sabor exótico!

 

Ingredientes:

1 litro de leite de coco

1 litro de caldo de frango

1 colher-de-sopa de gengibre picado

2 saquinhos de chá de erva-cidreira

1 pimentão cortado na diagonalmente

400g de filé de frango cortado em cubos

1 xícara de cogumelo champignon fresco  

suco de um limão

2 colheres-de-sopa de caldo de peixe (Nampla)

 

Modo de preparo:

Pique os ingredientes. Corte os cogumelos ao meio, ou em quatro, se forem muito grandes. Coloque o caldo de frango num tacho e leve ao fogo para ferver. Junte os saquinhos de chá.

 

Acrescente o leite de coco e misture muito bem. Junte o gengibre, os cubinhos de frango e os cogumelos. Cozinhe em fogo médio por 3 minutos. Por fim, acrescente o Nampla, o sumo de limão e o pimentão.

Sirva imediatamente e bom apetite.